Como consultar protestos grátis

Então, protestos nada mais são documentos oficiais para os negativados, ocorre de maneira que pessoas ou representante de uma empresa se dirigem a um cartório, formalmente comunicando que tal cliente não pagou dentro de seu prazo determinada dívida, assim tudo passa por um procedimento judicial, para a negociação da mesma. E assim, o devedor passa a ser negativado, e acaba ficando com o famoso nome “sujo”, assim sendo negado crédito.

E para termos conhecimento do processo recebiamos uma carta judicial explicando o caso, hoje as coisa já estão mudadas, e para facilitarmos, podemos acessar os protestos Online mesmo, e gratuitamente.

A consulta do processo pode ser feita pelo site ttp://ieptb.com.br/.

Esse site é uma ferramenta fornecida pelo Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil,

Como realizo o procedimento?

Basta acessar o site indicado no prefácio, e em seguida preencher as lacunas com o número de um desses documentos, CPF ou CNPJ da sua empresa, sem espaços ou pontos.

Após ter concluído este procedimento você terá acesso gratuito a todos os protestos vinculados com seu nome, ou com a empresa.

Assim que você adiciona os números, dos seus documentos, automaticamente o programa já vai estar buscando protestos de primeira instância.

E se caso, em sua tela, apareça a mensagem “ Não existe informação para o critério de busca utilizado”, isso quer dizer que não existe processo dentro desse número de documento que foi passado, sendo que, não existe processos em seu nome, ou na empresa solicitada.

Passo 1)

Selecione o Estado, e adicione seu CPF

Selecione o Estado, e adicione seu CPF

 

Passo 2)

Passo 3)

 

Em segundos você mesmo fez sua consulta de protestos grátis, se caso você desejar mais informações basta você seguir na opção de “Estado” e selecionar “Todos”, assim será feito uma busca mais ampla, com seu CPF por todas as regiões, caso você tenha protestos, já lhe será passado o valor, e efetuando o pagamento, seu nome sairá do banco de dados dentro de 5 dias.

Caso você prefira, pode também consultar os protestos direto no Cartório de sua cidade, só se dirigir ao mesmo, com o seu documento de identificação, CPF, que serão passados protestos, em aberto ou não, e mais informações.

 

Bom, se tiver dúvidas deixe nos comentários, se souber de mais alguma informação, compartilhe conosco também, sinta-se a vontade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *