Como consultar cheque sem fundo – CCF

Cheque sem fundo, quem nunca ouviu falar? Outras não só ouviram, quanto já receberam, e os que não receberam conhecem a história de que “fulano foi vítima, pois foi lhe dado cheque sem fundo”. Dívidas que foram “quitadas” com esses. Pessoas que receberam cheque e trocaram com alguém, e quando foi passado para o banco se surpreendeu!

É um ciclo que se segue desde tempos antigos até hoje.

Bom o cheque é um tipo de pagamento de crédito a vista, hoje pouco usado, ele pode ser depositado em qualquer agência para crédito na conta do correntista, porém não pode ser recebido em qualquer agência bancária, apenas do banco emissor. SEndo assim, o cheque pode ser descontado no mesmo momento quer emitido.

Existindo também os cheques pré-datados que são os mais usados ainda.

  • Seja como for, cheques emitidos sem fundo, ou descontados antes das datas previstas podem te trazer grandes problemas futuros, os quais. –

Recebi um cheque sem fundo! O que fazer?

Charge do cheque sem fundo

Charge do cheque sem fundo

Antes de qualquer ideia é necessário ter certeza que o cheque está sem fundo, caso tenha tentado trocar no banco, o mesmo pode adicionar o nome emissor no Cadastro de Emitentes De Cheques sem Fundo (CCF).

Ou essa consulta pode ser feita também no site Cheque Legal , assim sabendo se está sustado, bloqueado, se foi roubado ou se tem algum impedimento.

Assim que for consultado, você pode acessar o site de alguma empresa de gestão de crédito, fica a seu critério qual, SPC ou Serasa esse processo de consulta através do Serasa ou outros meios, serão cobrados taxas. É uma pesquisa bem ampla, onde você tem acesso aprofundado do emissor, sabendo do seu histórico, como se já foi emitido outras vezes cheques sem fundo, ou se seu nome está negativado, entre outros.

Antes de todo esse processo é aconselhável entrar em contato com o emissor do cheque. Caso não seja possível, ou difícil acesso com o mesmo, é necessário que leve o cheque até o Cartório de Protesto de sua cidade, no mesmo onde o cheque foi emitido para realizar um protesto do título, é recomendado levar o máximo de dados do emissor do cheque.

E se nesse processo nem o cartório conseguir contato com o emissor, então seu nome será exibido nos veículos oficiais de comunicação da cidade. E então o nome dele será negativado no SPC e Serasa, enfim para o emissor pagar sua dívida terá que ir até o credor, pedir o título, e efetuar o pagamento, assim o credor poderá emitir uma nota de certificação de negativação registrado em cartório com firma reconhecida também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *